PLANTANDO DÁ, SIM

RECICLAR É PRECISO

RECICLAR É PRECISO
RECICLAR É PRECISO. O MAIS, SERÁ PRECISO? Viver com alegria é viver em paz e harmonia. É olhar com a alma, observar com o coração, agir em conformidade com a natureza. Somos tanto mais necessários quanto mais úteis, em equilíbrio com o todo. Somos um; você sou eu e tudo o que o afeta, afeta a mim, também.

VOCÊ ENCONTROU O QUE QUERIA? PESQUISE. Nas guias está a matéria que interessa a você.

TENTE OUTRA VEZ. É só digitar a palavra-chave.

TENTE OUTRA VEZ. É só digitar a palavra-chave.
GUIAS (OU ABAS): 'este blog', 'blogs interessantes', 'só direito', 'anotações', 'anotando e pesquisando', 'mais blogs'.

VAMOS LÁ! CLIQUE PARA SEGUIR!

quarta-feira, 30 de agosto de 2017

COMPRANDO E FAZENDO ARTE: SITE DE CREMES, MAQUIAGEM E PERFUMES E PRODUÇÃO DO MEU QUINTAL















A Carol esteve conosco por uma semana e me apresentou um site maravilhoso para compra de perfumes, maquiagem e cremes. Produtos nacionais e estrangeiros, de ponta, alta tecnologia; mas os que...


A Carol esteve conosco por uma semana e me apresentou um site maravilhoso para compra de perfumes, maquiagem e cremes. Produtos nacionais e estrangeiros, de ponta, alta tecnologia; mas os que mais gosto são de babar e fazer contas: Parcelo? Espero virar o mês? Peço de presente de aniversário? De Natal, quem sabe?

Tivesse nascido rica ou ganhado na loteria compraria tudo, sem desviar os olhos para os preços; hoje é inevitável fazer contas, é preciso ter paciência.
Um sérum da Clarins para a área dos olhos parecia maravilhoso: 20ml, R$ 229,00, coisa de maluco, mas tenho a certeza de que deve ser ótimo. 
Foi um quase, até ler sobre os ingredientes que forneciam o princípio ativo: extrato de beldroega, para suavizar e amaciar e gengibre, que energiza a pele. 
Só neste espaço: morangos por todo lado, boldo, physalis, pimenta dedo de moça, pimenta preta (da Neide), capuchinha, taioba, nigauri, maracujá, gegibre, inhame e pitanga (sem contar os matinhos, que não conheço os nomes).
Ué! Tenho um canteiro enorme de beldroegas em casa (essas florezinhas coloridas), porque a planta é comestível (Já ouviu falar sobre as PANCs? Escrevi a respeito aqui), mas não sabia que ela era boa para a pele. 
Morangos nos pneus, também
Deveria ter intuído, porque a folhinha até lembra a babosa (comentei com a Nice, no final de semana, quando fiz um molho de beldroegas para salvar o pernil ressecado no churrasco, mas isso é conversa para outra postagem). 

GOSTOU? COMPARTILHE.

Nada contra o sérum, que parece perfeito e é desenvolvido após anos de pesquisas, daí o preço ser, justificadamente, salgado de engasgar.
As mimosas beldroegas
Enfim, tenho plantados pés de gengibre e montes de beldroega e morangos (estes clareiam a pele).
Melhor é comprar outro creme e fazer, no final de semana, uma máscara com mel. Ou quem sabe um esfoliante para todo o corpo? É só acrescentar açúcar ou aveia. E brincar um pouco.
Mês virado, cartão de crédito fechado, é escolher algo para este mês e levantar o estoque que tenho em casa de produtos naturais: pés de romã, araçá, pitanga, cabeludinha, coco, fruta do conde, maria pretinha, maracujá, caraxingui, limão, laranja, seriguela, mamão (Passarinhos comem as folhas; a gente, também?), abacaxis, physalis, graviola, nêspera, taioba, inhame e um não sei mais quanto, em espaço minúsculo para abrigar tanto.
Com algumas pesquisas na net (santo google!!!), quem sabe descubro que algumas folhinhas podem fazer milagres?
Se sim, se não, depois eu conto.
A verdade é que às vezes, plantas que nascem espontaneamente, nas calçadas, podem fazer tanto bem, e nós simplesmente as ignoramos (serralha, beldroega, mentruz (ou mastruz), caruru (ou bredo) e por aí vai... 

DEIXE SEU COMENTÁRIO. SEMPRE É POSSÍVEL MELHORAR

 

Pude ser útil?
Se sim, visite, compartilhe os blogs e acompanhe as publicações.
Se não, estou à disposição para esclarecer qualquer dúvida. Basta escrever, ok?
Um abraço, obrigada pela visita e fique à vontade.

 Obrigada pela visita!

QUER RECEBER DICAS? SIGA O BLOG. 

SEJA LEAL. NÃO COPIE, COMPARTILHE.
TODOS OS DIREITOS RESERVADOS
Respeite o direito autoral.
Gostou? Clique, visite os blogs, comente. É só acessar:

CHAPÉU DE PRAIA

MEU QUADRADO

"CAUSOS": COLEGAS, AMIGOS, PROFESSORES

GRAMÁTICA E QUESTÕES VERNÁCULAS
PRODUÇÃO JURÍDICA
JUIZADO ESPECIAL CÍVEL (O JUIZADO DE PEQUENAS CAUSAS)

e os mais, na coluna ao lado. Esteja à vontade para perguntar, comentar ou criticar.
Um abraço!
Thanks for the comment. Feel free to comment, ask questions or criticize. A great day and a great week! 

Maria da Gloria Perez Delgado Sanches
Postar um comentário

DÊ UMA CHANCE PARA SEUS SONHOS. DA CIDADE GRANDE PARA A CASA NA PRAIA, COM UM GRAAAAAANDE TERRENO.

DÊ UMA CHANCE PARA SEUS SONHOS. DA CIDADE GRANDE PARA A CASA NA PRAIA, COM UM GRAAAAAANDE TERRENO.
Ser feliz é uma opção e você é livre para viver a vida. Escolha seu sonho. Vale a pena.

QUEM SOU EU

Minha foto

Da capital, já morei entre verde e bichos, na lida com animais e plantas: anos de injeção, espinho de ouriço, berne, parto de égua e curva de nível, viveiros, mudas, onde encontrei tempo para lecionar inglês, alfabetizar adultos e ler livros, na solidão do mato. 

Paixões se sucederam e convivem até hoje: Contabilidade, Economia, Arquitetura (IMES, MACK), a chácara e, afinal, o Direito (FDSBC, cursos e pós graduações). No Judiciário desde 2005, planto, replanto, reciclo, quebro paredes, reconstruo, estudo, escrevo e poetizo, ao som de passarinhos, que cantam nossa liberdade.

Não sou da cidade, tampouco do campo. Aprendiz, tento captar o que a vida oferece, para que o amanhã seja melhor. Um mundo melhor, sempre.

Agora em uma cidade mágica, em uma casa mágica, na qual as coisas se transformam e ganham vida; mais e mais vida. Minha cidade-praia-paraíso, Itanhaém.

Nesta casa de espaços amplos e um belo quintal, que jamais é a mesma do dia anterior, do minuto anterior (pois a natureza cuida do renovar a cada instante o viço, as cores, flores, aromas e sabores) retomei o gosto pelo verde, por releituras de espaços e coisas. Nela planto o que seja bom de comer ou de ver (ou deixo plantado o que Deus me trouxe), colho, podo, cozinho os frutos da terra, preparo conservas e invento pratos de combinações inusitadas, planejo, crio, invento, pinto e bordo... sonho. As ideias brotam como os rebentos e a vida mostra-se viva, pulsante.

Aqui, em paz, retomo o fazer miniaturas, componho terrários que encantam, mensagens de carinho representadas em pequenas e delicadas obras. 

Muito prazer! Fique à vontade, passeie um pouco: questões de Direito, português, crônicas ("causos"), jardinagem e artesanato. Uma receita, uma experiência nova, um redescobrir. 

Pergunte, comente, critique, ok? A casa é sua e seu comentário será sempre bem-vindo.

Maria da Gloria Perez Delgado Sanches

MARQUINHOS, NOSSAS ROSAS ESTÃO AQUI: FICARAM LINDAS!

MARQUINHOS, NOSSAS ROSAS ESTÃO AQUI: FICARAM LINDAS!

ARQUIVO DO BLOG