PLANTANDO DÁ, SIM

RECICLAR É PRECISO

RECICLAR É PRECISO
RECICLAR É PRECISO. O MAIS, SERÁ PRECISO? Viver com alegria é viver em paz e harmonia. É olhar com a alma, observar com o coração, agir em conformidade com a natureza. Somos tanto mais necessários quanto mais úteis, em equilíbrio com o todo. Somos um; você sou eu e tudo o que o afeta, afeta a mim, também.

VOCÊ ENCONTROU O QUE QUERIA? PESQUISE. Nas guias está a matéria que interessa a você.

TENTE OUTRA VEZ. É só digitar a palavra-chave.

TENTE OUTRA VEZ. É só digitar a palavra-chave.
GUIAS (OU ABAS): 'este blog', 'blogs interessantes', 'só direito', 'anotações', 'anotando e pesquisando', 'mais blogs'.

VAMOS LÁ! CLIQUE PARA SEGUIR!

segunda-feira, 31 de dezembro de 2012

RENOVEM-SE AS ESPERANÇAS!


"Quem teve a idéia de cortar o tempo em fatias, a que se deu o nome de
ano, foi um indivíduo genial. Industrializou a esperança, fazendo-a
funcionar no limite da exaustão. Doze meses dão para qualquer ser
humano se cansar e entregar os pontos. Aí entra o milagre da renovação
e tudo começa outra vez, com outro número e outra vontade de acreditar
que daqui pra diante vai ser diferente."
Carlos Drummond de Andrade



Maria da Glória Perez Delgado Sanches
Membro Correspondente da ACLAC – Academia Cabista de Letras, Artes e Ciências de Arraial do Cabo, RJ.

Maria Clara Segobia


Vida de sentimentos à flor da pele,
Transformados em versos,
Vida-poesia.
Hoje os poetas, inspirados
Pela vida, homenageiam-na:
Sua morte é, também, poesia.
Em poemas e encantamento
Deixa um legado 
A todos os que a conheceram.
Leva aos céus 
A única riqueza que se pode
Carregar desta terra:
Docura e as saudades dos amigos
Que

quinta-feira, 6 de dezembro de 2012

ONU promove concurso de vídeos educacionais com prêmios de até 20 mil dólares


A iniciativa Impacto Acadêmico das Nações Unidas (UNAI) e a Faculdade de Ciências Econômicas da Universidade de Buenos Aires estão com as inscrições abertas até 15 de março de 2013 para o Festival Internacional de Vídeos Educativos (FIVE) sobre desenvolvimento sustentável e educação. Os prêmios vão de 10 mil a 20 mil dólares.
Os vídeos devem ter entre três e 20 minutos, ser originais e podem assumir a forma de documentário, ficção ou animação. As gravações podem ser em qualquer idioma, mas precisam incluir legendas em inglês e espanhol.
Um conselho de jurados reconhecidos internacionalmente pela...

Países do Mercosul assinam compromisso de políticas comuns para refugiados na região

Na foto (MJ): Sob a presidência 'pro tempore' do Brasil, ministros da Justiça e do Interior de países membros e associados ao Mercosul assinaram declaração que fortalece o espaço humanitário na região.

Os Países-Membros do Mercosul (Argentina, Brasil, Uruguai e Venezuela) e outros dois Estados Associados (Bolívia, Chile) assinaram, em Fortaleza (CE), um compromisso para adotar políticas comuns de proteção a solicitantes de refúgio e fortalecer o espaço humanitário na região.
Na contramão do que tem acontecido em outras regiões do mundo, a “Declaração de Princípios do Mercosul sobre Proteção Internacional dos Refugiados” propõe que os países do Mercosul não apenas evitem a adoção de políticas migratórias restritivas, como possibilite alternativas para a...

Entre 140 e 180 milhões de pessoas vivem com alguma deficiência nas Américas

UN Photo/Evan Schneider

Cerca de 15% da população mundial — ou 1 bilhão de pessoas — vive com alguma deficiência, de acordo com o Relatório Mundial sobre Deficiência da Organização Mundial da Saúde (OMS), publicado em 2011. Nas Américas, esse grupo é estimado entre 140 e 180 milhões de pessoas que enfrentam diariamente obstáculos que afetam sua saúde, acessibilidade e participação na sociedade.
No âmbito do Dia Internacional das Pessoas com Deficiência, observado ontem (3), a Organização Pan-Americana da Saúde (OPAS/OMS) lembrou que a prevalência das deficiências tende a aumentar nos próximos anos, em razão do...

OIT reúne personalidades de todo mundo em campanha pelo fim da escravidão

Milton Nascimento, Carlos Saldanha, John Powell e Sérgio Mendes se juntam a campanha da OIT pelo fim da escravidão.

Os brasileiros Milton Nascimento, Sérgio Mendes e Carlos Saldanha estão na lista de reconhecidos artistas internacionais que se uniram à Organização Internacional do Trabalho (OIT) para lutar contra a escravidão moderna. Os participantes incluem artistas de Hollywood, desportistas e defensores dos direitos humanos, entre eles: Mila Kunis, Cher e Oliver Stone, Kellan Lutz e Jada Pinkett Smith. Também participam Dan Kennedy, goleiro do Chivas EUA, e Somaly Man, defensora das vítimas de tráfico humano.
“Estou orgulhosa de unir-me à OIT na luta contra a escravidão”, declarou Jada Pinkett Smith. “Quando pensamos na escravidão, pensamos no passado. Mas a realidade é que na atualidade, três de cada 1.000 pessoas no mundo estão em...

Brasil entre os mais afetados pelos desastres climáticos em 2011, alerta ONU


Nova Friburgo, região serrana do Estado do Rio de Janeiro, Brasil. (UNISDR)
O Escritório das Nações Unidas para Assuntos do Espaço Sideral (UNOOSA) e o programaONU-Spider, que promove o vínculo entre informações do espaço e o risco de desastres e resposta de emergência, alertaram na sexta-feira (30) que o Brasil esteve entre os países mais afetados pelas catástrofes naturais em 2011. A nação latino-americana ocupa a sexta colocação na lista dos 10 países mais atingidos no...

Na COP18, Ban Ki-moon pede ações conjuntas para enfrentar as mudanças climáticas



Ban Ki-moon quer ações conjuntas para enfrentar as mudanças climáticas.Na 18 ª Conferência das Partes (COP18) da Convenção Quadro das Nações Unidas sobre Mudança Climática (UNFCCC), em Doha no Catar, o Secretário-Geral da ONU, Ban Ki-moon, pediu ações conjuntas de todos para enfrentas a crise crescente das mudanças climáticas. “Ninguém é imune à mudança climática, nem ricos nem pobres. É um desafio existencial para...

PNUMA lança publicação sobre como medir progresso na economia verde



PNUMA lança relatório que demonstra como indicadores podem ser relevantes em prol da economia verde.O Programa das Nações Unidas para o Meio Ambiente (PNUMA) lançou hoje (3) em Genebra, na Suíça, um relatório que mostra como os indicadores podem medir o progresso em direção a uma utilização eficiente dos recursos, a favor da economia verde, bem como a favor das decisões políticas que suportam sociedades sustentáveis. “Os indicadores de economia verde fornecem metas para uma sociedade ambientalmente estável, economicamente viável e justa”, disse o Diretor Executivo do PNUMA, Achim Steiner.
O relatório Medir o Progresso para uma Economia Verde Inclusiva detalha uma série de indicadores que podem ser usados por políticos para formular e controlar o impacto de seus projetos de economia verde, incluindo...

‘O voluntariado transcende todas as fronteiras culturais, linguísticas e geográficas’, diz Ban


Na foto (PNUD), uma professora do Programa de Voluntários das Nações Unidas (VNU) alfabetiza crianças em Burkina Fasso, na África.
Em 05/12, a ONU lembra todas aquelas pessoas que vão além do seu exercício de cidadania – se tornam ativistas permanentes ou cidadãos que buscam dar um exemplo de compaixão e solidariedade.
Dia 5 de dezembro é o Dia Internacional do Voluntário.
Disse o Secretário-Geral da ONU sobre o tema: “Ao celebrarmos o impacto de voluntários no mundo, lembremos os muitos lugares onde eles são necessários: em zonas de guerra e salas de aula, em hospitais e casas – onde quer que haja pessoas em dificuldade à procura de...

Frevo ganha título de Patrimônio Cultural Imaterial da Humanidade da UNESCO


Frevo no carnaval de Recife (UNESCO)



O frevo, ritmo musical e de dança do carnaval pernambucano, ganhou nesta quarta-feira (5) o título dePatrimônio Cultural Imaterial da Humanidade, concedido pela Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura (UNESCO).
O anúncio foi feito na sede da agência em Paris durante a 7a sessão do Comitê Intergovernamental para a Salvaguarda do Patrimônio Cultural Imaterial, evento da UNESCO que durá até  o dia 7 de dezembro. (Confira aqui página da candidatura do frevo para o título de Patrimônio Cultural Imaterial da Humanidade.)


Dentre as razões para a escolha estão as...

Com apoio do PNUD, indígenas Guarani-Kaiowá usam fogão ecológico como tecnologia social


Ainda não havia amanhecido na aldeia e Delma Gonçalves, 41, já caminhava há duas horas até o local em que os indígenas costumam recolher lenha. O caminho de volta, no entanto, era o mais penoso: sob o sol forte, tinha de carregar nas costas um feixe de 20 quilos de madeira. Dona Delma é uma das indígenas Guarani-Kaiowá da aldeia de Panambizinho, a 250 km da capital Campo Grande, no Mato Grosso do Sul.
Durante anos, três vezes por semana, essa foi sua rotina matinal. “Tinha muitas dores na...

domingo, 2 de dezembro de 2012

DESCARTE DE RESÍDUOS TECNOLÓGICOS


Ontem (sábado) à tarde assisti a uma reportagem sobre o descarte de resíduos tecnológicos em Gana, na África. São milhões de toneladas de resíduos despejadas a cada ano, em lixões a céu aberto. 

As nações desenvolvidas, em sentido contrário às regulamentações internacionais, enviam o lixo - tóxico - às nações periféricas da África e da Ásia, descaracterizando o descarte como "doação". Do lixo recebido, apenas dez por cento podem ser utilizados (cinco por cento dos produtos funcionam precariamente e os outros cinco por cento podem ser utilizados depois de consertados). 
O povo, sem qualquer proteção (luvas, calçados, máscara etc.), garimpa nos entulhos (de propriedade privada, a quem devem uma taxa sobre o material retirado), à procura de ouro, prata e outros metais, expondo-se à contaminação.
Isso porque os países receptores não contam com...

SAUDADES!


Anita, Cristina, Vicente, Alvinho: saudades!
Do gira-gira, do bosque, do sorriso desbragado
O gênio criador de Vicente
Encarnado na madeira nua
Quando São Paulo era verde:
Jardins, chácaras, espaços amplos
Hoje, tomados pelo concreto,
Superpovoados,
Superimpermeabilizados,
Super-super-abundantemente acinzentados.
As laranjeiras e limoeiros,
A amoreira-brava, os tantos pinheiros:
O bosque!
Flores e arbustos e ervas,
As galinhas e seus pintos,
Os passarinhos a trinar
A treliça azul da cozinha
E o nhoque da Anita:
Minha primeira conchinha.
Tomates verdes,
Limões fatiados, com sal,
Ácidos, prazer que repeti
Uma, duas, tantas vezes!
Almofadinhas de brinquedo.
A presença certa de minha avó
O comparecimento da Anita
Em nossa casa.
Hoje tudo é cinza.
Restam as memórias
Daqueles que ainda
Não se fizeram cinzas.
Doces memórias!
Anita, Cristina, Vicente, Alvinho: saudades!


Maria da Glória Perez Delgado Sanches

Membro Correspondente da ACLAC – Academia Cabista de Letras, Artes e Ciências de Arraial do Cabo, RJ.

Conheça mais. Faça uma visita aos blogs disponíveis no perfil: artigos e anotações sobre questões de Direito, português, poemas e crônicas ("causos"): http://www.blogger.com/profile/14087164358419572567
Esteja à vontade para perguntar, comentar, questionar ou criticar. Acompanhe.Terei muito prazer em recebê-lo.
Thanks for the comment. Feel free to comment, ask questions or criticize. A great day and a great week!

DÊ UMA CHANCE PARA SEUS SONHOS. DA CIDADE GRANDE PARA A CASA NA PRAIA, COM UM GRAAAAAANDE TERRENO.

DÊ UMA CHANCE PARA SEUS SONHOS. DA CIDADE GRANDE PARA A CASA NA PRAIA, COM UM GRAAAAAANDE TERRENO.
Ser feliz é uma opção e você é livre para viver a vida. Escolha seu sonho. Vale a pena.

QUEM SOU EU

Minha foto

Da capital, já morei entre verde e bichos, na lida com animais e plantas: anos de injeção, espinho de ouriço, berne, parto de égua e curva de nível, viveiros, mudas, onde encontrei tempo para lecionar inglês, alfabetizar adultos e ler livros, na solidão do mato. 

Paixões se sucederam e convivem até hoje: Contabilidade, Economia, Arquitetura (IMES, MACK), a chácara e, afinal, o Direito (FDSBC, cursos e pós graduações). No Judiciário desde 2005, planto, replanto, reciclo, quebro paredes, reconstruo, estudo, escrevo e poetizo, ao som de passarinhos, que cantam nossa liberdade.

Não sou da cidade, tampouco do campo. Aprendiz, tento captar o que a vida oferece, para que o amanhã seja melhor. Um mundo melhor, sempre.

Agora em uma cidade mágica, em uma casa mágica, na qual as coisas se transformam e ganham vida; mais e mais vida. Minha cidade-praia-paraíso, Itanhaém.

Nesta casa de espaços amplos e um belo quintal, que jamais é a mesma do dia anterior, do minuto anterior (pois a natureza cuida do renovar a cada instante o viço, as cores, flores, aromas e sabores) retomei o gosto pelo verde, por releituras de espaços e coisas. Nela planto o que seja bom de comer ou de ver (ou deixo plantado o que Deus me trouxe), colho, podo, cozinho os frutos da terra, preparo conservas e invento pratos de combinações inusitadas, planejo, crio, invento, pinto e bordo... sonho. As ideias brotam como os rebentos e a vida mostra-se viva, pulsante.

Aqui, em paz, retomo o fazer miniaturas, componho terrários que encantam, mensagens de carinho representadas em pequenas e delicadas obras. 

Muito prazer! Fique à vontade, passeie um pouco: questões de Direito, português, crônicas ("causos"), jardinagem e artesanato. Uma receita, uma experiência nova, um redescobrir. 

Pergunte, comente, critique, ok? A casa é sua e seu comentário será sempre bem-vindo.

Maria da Gloria Perez Delgado Sanches

MARQUINHOS, NOSSAS ROSAS ESTÃO AQUI: FICARAM LINDAS!

MARQUINHOS, NOSSAS ROSAS ESTÃO AQUI: FICARAM LINDAS!

ARQUIVO DO BLOG