PLANTANDO DÁ, SIM

RECICLAR É PRECISO

RECICLAR É PRECISO
RECICLAR É PRECISO. O MAIS, SERÁ PRECISO? Viver com alegria é viver em paz e harmonia. É olhar com a alma, observar com o coração, agir em conformidade com a natureza. Somos tanto mais necessários quanto mais úteis, em equilíbrio com o todo. Somos um; você sou eu e tudo o que o afeta, afeta a mim, também.

VOCÊ ENCONTROU O QUE QUERIA? PESQUISE. Nas guias está a matéria que interessa a você.

TENTE OUTRA VEZ. É só digitar a palavra-chave.

TENTE OUTRA VEZ. É só digitar a palavra-chave.
GUIAS (OU ABAS): 'este blog', 'blogs interessantes', 'só direito', 'anotações', 'anotando e pesquisando', 'mais blogs'.

VAMOS LÁ! CLIQUE PARA SEGUIR!

terça-feira, 9 de julho de 2013

BOAS PRÁTICAS – FORO DISTRITAL DE HORTOLÂNDIA IMPLANTA PROJETO SOCIOAMBIENTAL

Um grupo de servidores de Hortolândia idealizou projeto socioambiental para a reciclagem do lixo produzido no fórum. A ideia agradou a administração do prédio e foi implantada em março, englobando também os cartórios, serviço de limpeza, setor técnico e setor de conciliação. “Conversamos sobre o projeto com a administradora predial, Edilaine Domingues, que prontamente aderiu”, contou o escrevente Edson Luiz Souza Felipe, integrante da equipe de conscientização socioambiental do fórum. O grupo também é composto pelos escreventes Marcos Nascimento e Darci de Andrade e pela oficial de Justiça Rosana Fadigas.
        A ação de reciclagem do lixo (papel, metal, vidro e plástico) é feita em parceria com...
a Cooperativa de Reciclagem Cooperuni. “Houve a adesão de todos os funcionários do fórum”, afirma Edson Luiz. Ele também destaca que, além do alcance ambiental, o projeto contribuiu para a manutenção de 20 cooperados e de dois reeducandos que trabalham na cooperativa.
        Edson também conta que em 5 de junho, Dia Mundial de Meio Ambiente, foram distribuídas sementes de beterraba para todos os servidores, cedidas pela Secretaria Municipal de Meio Ambiente. “Foi um gesto simbólico de conscientização para preservação da natureza e de cuidado com o planeta”, diz Edson.
        Sobre as futuras ações da equipe, ele adianta que haverá uma campanha sobre consumo consciente, baseada na teoria dos três ‘erres’ – reduzir, reutilizar e reciclar. Também está em pauta para este mês projeto de coleta de material eletrônico, direcionado a funcionários do fórum, advogados e público em geral, novamente em parceria com a Secretaria. Os equipamentos coletados serão encaminhados ao Instituto Nova Ágora Cidadania.
Fonte: TJSP

Comente, divulgue, assine. Será sempre bem recebido!
Conheça mais. Faça uma visita aos blogs disponíveis no perfil: artigos e anotações sobre questões de Direito, Português, poemas e crônicas ("causos"): https://plus.google.com/100044718118725455450/about.
Esteja à vontade para perguntar, comentar ou criticar.

Maria da Glória Perez Delgado Sanches
Membro Correspondente da ACLAC – Academia Cabista de Letras, Artes e Ciências de Arraial do Cabo, RJ.

Postar um comentário

DÊ UMA CHANCE PARA SEUS SONHOS. DA CIDADE GRANDE PARA A CASA NA PRAIA, COM UM GRAAAAAANDE TERRENO.

DÊ UMA CHANCE PARA SEUS SONHOS. DA CIDADE GRANDE PARA A CASA NA PRAIA, COM UM GRAAAAAANDE TERRENO.
Ser feliz é uma opção e você é livre para viver a vida. Escolha seu sonho. Vale a pena.

QUEM SOU EU

Minha foto

Da capital, já morei entre verde e bichos, na lida com animais e plantas: anos de injeção, espinho de ouriço, berne, parto de égua e curva de nível, viveiros, mudas, onde encontrei tempo para lecionar inglês, alfabetizar adultos e ler livros, na solidão do mato. 

Paixões se sucederam e convivem até hoje: Contabilidade, Economia, Arquitetura (IMES, MACK), a chácara e, afinal, o Direito (FDSBC, cursos e pós graduações). No Judiciário desde 2005, planto, replanto, reciclo, quebro paredes, reconstruo, estudo, escrevo e poetizo, ao som de passarinhos, que cantam nossa liberdade.

Não sou da cidade, tampouco do campo. Aprendiz, tento captar o que a vida oferece, para que o amanhã seja melhor. Um mundo melhor, sempre.

Agora em uma cidade mágica, em uma casa mágica, na qual as coisas se transformam e ganham vida; mais e mais vida. Minha cidade-praia-paraíso, Itanhaém.

Nesta casa de espaços amplos e um belo quintal, que jamais é a mesma do dia anterior, do minuto anterior (pois a natureza cuida do renovar a cada instante o viço, as cores, flores, aromas e sabores) retomei o gosto pelo verde, por releituras de espaços e coisas. Nela planto o que seja bom de comer ou de ver (ou deixo plantado o que Deus me trouxe), colho, podo, cozinho os frutos da terra, preparo conservas e invento pratos de combinações inusitadas, planejo, crio, invento, pinto e bordo... sonho. As ideias brotam como os rebentos e a vida mostra-se viva, pulsante.

Aqui, em paz, retomo o fazer miniaturas, componho terrários que encantam, mensagens de carinho representadas em pequenas e delicadas obras. 

Muito prazer! Fique à vontade, passeie um pouco: questões de Direito, português, crônicas ("causos"), jardinagem e artesanato. Uma receita, uma experiência nova, um redescobrir. 

Pergunte, comente, critique, ok? A casa é sua e seu comentário será sempre bem-vindo.

Maria da Gloria Perez Delgado Sanches

MARQUINHOS, NOSSAS ROSAS ESTÃO AQUI: FICARAM LINDAS!

MARQUINHOS, NOSSAS ROSAS ESTÃO AQUI: FICARAM LINDAS!

ARQUIVO DO BLOG